Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Colheita de soja começa com perspectivas positivas em Foz do Iguaçu

Colheita de soja começa com perspectivas positivas em Foz do Iguaçu

Postado em 23/02/2021 por

Compartilhe Agora!

Safra 2020-2021 deve render média entre 160 e 170 sacas do grão por alqueire nos 10 mil hectares plantados no município.

Imagem: Agência Municipal de Notícias.

Os profissionais da Secretaria Municipal Desenvolvimento Comercial, Industrial e Agropecuário, da Prefeitura, estão acompanhando a colheita da safra 2020/2021 de soja em Foz do Iguaçu. O início foi na última semana, na Vila Bananal, e a estimativa dos produtores é colher entre 160 e 170 sacas do grão por alqueire. Ao todo, 10 mil hectares receberam o cultivo do principal produto agrícola do município.

A colheita de soja nas propriedades rurais deve prosseguir até o final da primeira quinzena de março. A Prefeitura de Foz do Iguaçu, por meio das Secretarias Desenvolvimento Comercial, Industrial e Agropecuário e Obras, afirma que está atuando para garantir toda a infraestrutura necessária no escoamento dos grãos.

Além da estrutura, o município oferece apoio técnico aos produtores, para incentivar o melhor aproveitamento da safra. De acordo com os profissionais que acompanham os processos, este ano o plantio mais cedo sofreu com a estiagem, mas os impactos foram recuperados com as chuvas em janeiro.

O secretário municipal de Desenvolvimento Comercial, Industrial e Agropecuário, João Pereira dos Santos, acompanhou o início da colheita. “Vai ser uma boa safra, os agricultores devem ter bons resultados que vão ajudar a fortalecer a economia de Foz do Iguaçu”, avaliou.

Cultivos diversos

Após a colheita da soja, os produtores já iniciam o plantio de milho. Ao todo, a Secretaria faz o acompanhamento de 1,8 mil produtores rurais que estão cadastrados e atuam no município.

Além dos principais cultivos, de soja e milho, há a produção de hortaliças, frutas em pomares, mandioca, gado e produção leiteira. Recentemente, alguns produtores de Foz também iniciaram a avicultura de corte.

Para fortalecer o setor, o município oferece toda a estrutura técnica com informações como correção de solo, potencial de proteção, acompanhamento veterinário, além do suporte estrutural com serviços como terraplenagens.

RCI, com informações da Agência Municipal de Notícias.

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.