Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Moradores do entorno do Córrego Brasília recebem chaves da casa própria em Foz do Iguaçu

Moradores do entorno do Córrego Brasília recebem chaves da casa própria em Foz do Iguaçu

Postado em 05/02/2021 por

Compartilhe Agora!

Novas residências foram construídas na Vila C Velha, no trecho entre as ruas Andradina e Sapucaí.

Imagem: Agência Municipal de Notícias.

Prefeitura de Foz do Iguaçu, Itaipu Binacional e Governo do Estado do Paraná, por meio da Companhia de Habitação (Cohapar), entregaram nesta sexta-feira (05) um novo conjunto habitacional na Vila C Velha, entre as ruas Andradina e Sapucaí. As 25 famílias contempladas já receberam as chaves da casa própria e iniciaram a mudança para o novo local.

Durante a cerimônia, o prefeito Chico Brasileiro destacou as parcerias para a construção do empreendimento e garantiu o fortalecimento das políticas públicas na área da habitação. “O general Silva e Luna (diretor-geral brasileiro da Itaipu) tem um olhar especial por Foz do Iguaçu e ,com parcerias como essa, assim como com o Governo do Estado, conseguiremos avançar na política habitacional do município. A entrega dessas moradias representa o resgate da qualidade de vida e da dignidade das pessoas”, disse.

As casas foram entregues a 21 famílias que viviam à beira do Córrego Brasília, uma área de preservação ambiental na Vila C, e quatro para famílias que compõem o cadastro do Fozhabita e são atendidas pelo Serviço Social da autarquia. O investimento na obra foi de R$ 1,7 milhão.

A parceria entre Prefeitura e Itaipu possibilitou que nenhum dos novos moradores precise arcar com o financiamento das casas. “Esta é a primeira vez, num modelo único, em que as casas estão sendo doadas, sem nenhum tipo de financiamento para os moradores”, afirmou o prefeito.

O vice-prefeito, delegado Francisco Sampaio, deu as boas-vindas às famílias e também reforçou o compromisso do município com a habitação. “Ter uma casa própria é realização de um sonho. Espero que vocês façam o melhor uso possível do imóvel e sejam muito felizes aqui. Nós, enquanto gestão, continuaremos buscando parcerias para que novas moradias sejam entregues”.

Representando o diretor-geral brasileiro de Itaipu, general Joaquim Silva e Luna, Rafael Antonio Correia, da Superintendência de Obras e Desenvolvimento da usina, ressaltou a atuação da binacional em novas parcerias e convênios.

“A Itaipu fica muito feliz em finalizar um dos convênios e ver o fruto deste trabalho realizado. Continuamos com as parcerias junto aos municípios nos mais diversos âmbitos. Durante o ano, as demandas são analisadas e várias outras parcerias devem ser firmadas. Este é o nosso compromisso”, destacou.

Sonho realizado

Os novos moradores já receberam as chaves, assinaram os contratos e iniciaram a mudança. Até segunda-feira (08), todos devem estar instalados nas novas casas.

Um das novas moradoras é a dona de casa Anita da Rosa, de 78 anos. Ela e o marido viviam há oito anos à beira do Córrego Brasília e agora já fazem planos para a nova moradia. “Quero plantar umas mudinhas de flores aqui na frente [de casa] e fazer um jardim”, contou a aposentada. “Meu marido já está preparando a mudança. Até amanhã quero estar aqui já”, contou emocionada.

Eliane Aparecida, de 18 anos e Maicon, de 25, foram o casal mais jovem a receber a moradia. Eles estavam ansiosos para começar a mudança. “Vai ser ótimo morar em um lugar que é nosso. Dá mais segurança pra gente crescer na vida. Estamos muito felizes”, disse Maicon, que é servente de pedreiro.

O morador Juvenil da Cruz agradeceu à Prefeitura, Itaipu e o Governo do Estado em nome de todas as famílias: “Agradecemos a Deus e a todos os envolvidos para que este dia chegasse. Hoje é um dia de muita alegria, e nosso sentimento é de gratidão”.

A entrega contou também com a presença do presidente da Câmara Municipal, vereador Ney Patrício; dos vereadores Edivaldo Alcântara e Rogério Quadros; da diretora-superintendente do Fozhabita, Silvia Pallandi; e da chefe do escritório regional da Cohapar, Lucilei Marquiori.

Moradias

Cada casa possui dois quartos, sala, cozinha e um banheiro. Das 25 unidades, 23 possuem 32 m² e duas com 49 m², capazes de receber famílias maiores. As casas possuem pias nas cozinhas, tanques e calçadas na área externa. As moradias estão dispostas em um terreno com 835,8 m² com um grande gramado no centro.

O Conjunto Habitacional da Vila C se soma a outros investimentos em habitação em Foz do Iguaçu. Há uma licitação em andamento para a construção no Lagoa Dourada (100 unidades), o Condomínio do Idoso (40 unidades) e entregas já realizadas no Residencial Angatuba (340 unidades), no Boicy II (288) e, para finalizar, no Boicy I, com mais 288 apartamentos. Os projetos são fruto de parceria entre o Governo Federal, Governo do Estado e Prefeitura.

RCI, com informações da Agência Municipal de Notícias.

One comentário “Moradores do entorno do Córrego Brasília recebem chaves da casa própria em Foz do Iguaçu”

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.