OUÇA A RÁDIO AO VIVO

N Notícia

© REUTERS / Ministério da Defesa da Turquia

FOTO: © REUTERS / Ministério da Defesa da Turquia

Segunda bateria de sistemas russos S-400 logo será entregue para a Turquia

Em agosto e setembro Moscou vai entregar a Ancara os elementos da segunda bateria de sistemas de defesa antiaérea S-400 russos, afirmou o ministro da Defesa da Turquia, Hulusi Akar, ao canal de televisão NTV.

Informações Compartilhadas Sputnik Brasil

"O trabalho para escolha do lugar de posicionamento e instalação dos sistemas de defesa antiaérea S-400 está em curso", adicionou o chefe do ministério.

No fim do julho, a Rússia terminou a primeira etapa do fornecimento de sistemas de defesa antiaérea S-400 à Turquia. O equipamento foi entregue em 30 voos especiais.

Fornecimento dos S-400 à Turquia

O sistema de defesa antiaérea Triumph é um sistema moderno de grande alcance destinado a eliminar aviões e mísseis balísticos e de cruzeiro, inclusive de médio alcance. Também pode ser usado contra objetivos terrestres. O sistema, cujo alcance chega a 400 quilômetros, pode eliminar alvos a uma altitude de até 30 quilômetros.

O contrato de fornecimento de quatro divisões de S-400, no valor de US$ 2,5 bilhões, foi concluído em 2017. Uma parte do preço será paga pela própria Turquia e a outra vai ser coberta por crédito russo.

As entregas dos sistemas russos de defesa antiaérea começaram no dia 12 de julho. A Turquia se tornou assim o terceiro país (depois da Bielorrússia e da China) para o qual Moscou está fornecendo o Triumph. Logo a Índia também vai se juntar a esses países.

Primeiro lote de componentes dos sistemas de defesa antiaérea S-400 na Turquia, Murted Airport, perto de Ancara
© REUTERS / MINISTÉRIO DA DEFESA DA TURQUIA
Primeiro lote de componentes dos sistemas de defesa antiaérea S-400 na Turquia, Murted Airport, perto de Ancara

Tensões entre Ancara e Washington

Os EUA exigiram que a Turquia desistisse do acordo e comprasse o sistema Patriot norte-americano. Se não o fizesse, Washington não excluiu a possibilidade de suspender ou anular a venda dos caças F-35 norte-americanos, mas a Turquia se recusou a ceder.

No fim de julho, o presidente dos EUA, Donald Trump, afirmou que ele não acusa Ancara pela compra dos sistemas de defesa antiaérea russos, mas os novos caças destinados para a Turquia podem ser vendidos para outros países.

FONTE: Sputnik Brasil
Link Notícia

Contate a RCI

Publicidade

Plug Consultoria e Projetos

Previsão do Tempo